Wednesday, 07 December, 2022

Novo golpe na Prova de Vida

Mais uma vez, a prova de vida do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) está sendo usada como isca para golpistas roubarem dados de aposentados e pensionistas.

As abordagens ocorreram por telefone e posterior contato pelo WhatsApp, alerta o instituto, que orienta os beneficiários a não enviarem dados pessoais, fotos ou documentos.


O que mudou na Prova de Vida

Nos contatos, diz o INSS, os golpistas solicitam dados pessoais e fotos de documentos para que não ocorra um suposto “bloqueio nos pagamentos”. Em alguns casos, chegam a enviar links para que o segurado realize a biometria facial. A pessoa que fala é muito segura e pode até passar alguma informação sobre o segurado com a intenção de dissimular a farsa.

E é nesse ponto que consiste a fraude: os golpistas ficam de posse da documentação e dos dados e fazem transações irregulares em nome de aposentados e pensionistas, como os empréstimos consignados, aqueles que são descontados diretamente no pagamento.

Prova de vida suspensa

O procedimento da prova de vida está suspenso desde 2 de fevereiro. Agora não é mais exigida a presença do aposentado ou do pensionista no banco. O recadastramento passou a utilizar o cruzamento de dados de outras bases do governo federal, e não é mais preciso ir à instituição financeira, somente se for chamado.


(* Por Martha Imenes – do Extra – Leia a íntegra aqui )


Veja também na RIAAM-Minas

0 comments on “Novo golpe na Prova de Vida

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *