Saturday, 03 December, 2022

Como evitar o golpe do consignado

Atenção:

O INSS não entra em contato por meio de mensagens de telefone ou aplicativos como WhatsApp, ligação ou e-mails para oferecer serviços de empréstimo consignado, nem envia motoboys para a casa dos beneficiários. Não devem ser passados, em nenhuma hipótese, dados como senhas e dados bancários.

As cláusulas desses acordos feitos entre o INSS e as instituições financeiras preveem que cabe aos bancos acordantes a adoção de cuidados para evitar o vazamento de dados, consignações fraudulentas e assédio comercial. 

Orientações

Em caso de fraudes ou em que não reconheça o empréstimo, o segurado deve procurar imediatamente a instituição financeira e registrar também sua reclamação no Portal do Consumidor , para fins de tratamento e exclusão de descontos.

O próprio beneficiário pode solicitar o bloqueio de contratação de operações de crédito consignado por meio do Meu INSS, site ou aplicativo ou pela Central 135, que funciona das 7h às 22h, de segunda a sábado.

O atendimento deste serviço será realizado à distância, não sendo necessário o comparecimento presencial nas unidades do INSS.

O segurado que se sentir ameaçado pode registrar reclamação na ouvidoria e um Boletim de Ocorrência junto à Polícia.

Leia: Mecanismo contra fraudes

Como evitar golpes?

  1. Observe o remetente das mensagens;
  2. Não clique em links de e-mails ou mensagens de WhatsApp de remetentes que você não conhece;
  3. Nunca informe seus dados pessoais e bancários em resposta a ligações, e-mails ou links desconhecidos;
  4. Nas redes sociais, não compartilhe nada sem checar a procedência e a veracidade das informações.

(* Com informações do portal INSS – Leia aqui )


Veja também na RIAAM-Minas

2 comments on “Como evitar o golpe do consignado

[…] Leia sobre o golpe do consignado […]

[…] Leia mais sobre empréstimo consignado […]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *