Mês: fevereiro 2020

Recesso de Carnaval

A todos os nossas entidades filiadas e parceiras, bem como clientes e fornecedores, informamos que a partir desta sexta – 21 de fevereiro – não teremos expediente. Retomamos nossas atividades normais na quinta-feira – 27 de fevereiro. A todos, um bom feriado.

Os riscos do empréstimo consignado

Endividamento de aposentados com o consignado é o maior da história

riscos_do_emprestimo_consignado
Empréstimo acabam comprometendo o orçamento (Imagem: Pixabay)

Apesar de todos os problemas enfrentados pelos trabalhadores com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), as dívidas de aposentados e pensionistas no crédito consignado atingiram, em dezembro de 2019, o maior nível da história: R$ 138,7 bilhões.

Segundo o Banco Central, ao longo do ano passado, os débitos dos segurados do INSS no crédito consignado cresceram R$ 13,5 bilhões, ou seja, mais de R$ 1,1 bilhão por mês.

Técnicos do INSS explicam que, além dos empréstimos consignados, aposentados e pensionistas estão devendo no cheque especial e no cartão de crédito. Muitas das dívidas foram feitas a pedido de familiares. Há casos em que filhos e outros parentes obrigam os idosos a se endividarem, sob o risco de serem abandonados.

Idosos sustentam a família

Em várias regiões do país, os aposentados e pensionistas do INSS são arrimos de família. Em muitos lares, são as únicas fontes de renda. Isso é visível, sobretudo, nas regiões Norte e Nordeste. O problema é que muitos dos familiares não se contentam com a renda fixa e acabam forçando os idosos a tomarem empréstimos.

Para tentar evitar abusos, o INSS restringiu o acesso dos bancos a aposentados e pensionistas pelo menos nos seis primeiros meses de recebimento dos benefícios. Mas, depois desse período, o assédio das instituições financeiras é total.


(* Com informações do Portal UAI/Estado de Minas

https://www.em.com.br/app/noticia/economia/2020/02/03/internas_economia,1119172/endividamento-de-aposentados-com-o-consignado-e-o-maior-da-historia.shtml



Ler mais

AVC aposenta por invalidez?

Acidente Vascular Cerebral (AVC) e o direito a aposentadoria O Acidente Vascular Cerebral (AVC) acontece quando vasos que levam sangue ao cérebro entopem ou se rompem, provocando a paralisia da área cerebral que ficou sem circulação sanguínea. É uma doença que acomete mais os homens e é uma das principais causas de morte, incapacitação e
Ler mais

Contra as filas do INSS: acione a Justiça

Saiba seus direitos contra os atrasos da Previdência na hora de garantir seus benefícios

contra_as_filas_daPrevidencia_justica
A volta das filas em postos do INSS

Quem está 'mofando' nas filas do INSS após requisitar qualquer benefício previdenciário, pode entrar na Justiça para reduzir o tempo de espera. Segundo a lei, os segurados devem ter sua solicitação atendida em até 45 dias. No entanto, com o caos instalado, há casos que ultrapassam seis meses quem qualquer posicionamento do órgão.

Somente no estado de São Paulo, há 245 mil requerimentos aguardando por análise.

Segundo especialistas, a saída se divide em duas: fazer uma reclamação administrativa - via Ouvidoria do próprio INSS ou pela Central 135 - ou acionar a Justiça.

Saiba quais são seus direitos contra as filas do INSS

Como questionar o INSS

  • Você pode reclamar pelo site
  • Ou ligar para a Central de Atendimento 135

Como trilhar o caminho judicial (veja quadro)


(* Com informações de "A Tribuna (Santos) - Leia mais a íntegra no link abaixo

https://www.atribuna.com.br/cidades/segurados-que-mofam-na-fila-do-inss-podem-recorrer-ao-judici%C3%A1rio-saiba-os-seus-direitos-1.84588



Ler mais